Publicidade
Página Inicial

Capacitação sobre hanseníase reúne 110 profissionais de saúde em Açailândia

02/10/2018 às 17:20 em Saúde

A prefeitura de Açailândia, por meio da Secretaria de Saúde, e Programa Municipal de Controle de Hanseníase (PMCH), em parceria com a Secretaria de Saúde do Estado (SES), e dos programas de Atenção Básica de Saúde, Planejamento, e Núcleo Municipal de Educação em Saúde (NMES), realizou com sucesso, um curso de capacitação, com ações inovadoras de combate à hanseníase.

O curso de capacitação contou com a participação de cerca 110 profissionais, entre médicos, enfermeiros, fisioterapeutas e agentes comunitários de saúde. O curso de capacitação foi realizado pela Drª. Dilma, Enf. Sônia Maria, bem como pelo enf. Saulo, técnico da Secretaria de Saúde do Saúde do Estado (SES).

Para a enfermeira Jaqueline: “A capacitação visa ampliar os conhecimentos sobre diagnóstico precoce e tratamento da hanseníase, de forma que a doença possa ser diagnosticada precocemente e tratada em todas as Unidades Básicas de Saúde do município. Vivemos em uma região hiperendemica pra hanseníase, com índices elevados de casos, inclusive em menores de 15 anos de idade, o que nos deixam ainda mais preocupados em desenvolver ações eficazes para controle da doença”. Informou.

“O treinamento das equipes em ação básica, servirá para a descentralização nas Unidades Básica de Saúde (UBS), levando atendimento mais próximo da população, o foco de toda essa ação é promover o diagnóstico precoce com tratamento imediato para prevenir incapacidades bem como a transmissão do bacilo. Açailândia segue em curtos passos, pois não é fácil a caminhada, mais também sabemos que não é impossível por isso continuarmos andando”, finalizou a enfermeira Jaqueline, coordenadora do (PMCH).

“As ações inovadoras de prevenção e combate da hanseníase, é uma preocupação constante da prefeitura de Açailândia na gestão do prefeito Juscelino Oliveira”. Por isso,  estamos sempre em busca de capacitação e inovação junto aos nossos profissionais de saúde, para poder oferecer um atendimento de qualidade a quem precisa”, disse Kerly Cardoso, Secretaria de Saúde do Município de Açailândia.

As ações tiveram inicio na ultima quinta-feira (27) no auditório da Faculdade Vale do Aço (Favale), onde os participantes teve a oportunidade de aumentar seus conhecimentos, e se aprofundar tanto no diagnostico precoce, bem como no combate a hanseníase.

Já na ultima Sexta-feira (28), na Unidade Básica de Saúde do Residencial Tropical, os profissionais  de saúde já capacitados, puderam colocar em pratica os conhecimentos adquiridos, atendendo a população e fazendo e diagnosticando possíveis casos  sob suspeitas de serem  portadores de hanseníase.

O encerramento dessas ações aconteceu no ultimo sábado dia (29), na Unidade Básica de Saúde do Bairro Residencial Tropical, onde foi realizado o mutirão da pele. Para se ter uma ideia, durante o mutirão, 7 casos de hanseníase foram detectados, sendo 2 deles em menores de 15 anos de idade.

Por Nilton Sumiu

ASCOM/Semus

Acompanhe o Blog do Antonio Marcos também no Facebook e no Twitter.

Deixe um comentário


9 − 8 =