Publicidade
Página Inicial

Corregedor-geral recebe demandas de advogados e servidores de Carolina

21/12/2018 às 16:50 em Justiça

Nesta terça-feira (18), o corregedor-geral da Justiça, desembargador Marcelo Carvalho Silva, acompanhado da juíza auxiliar Kariny Reis (Planejamento Estratégico) e equipe de servidores da Corregedoria, visitou o fórum da comarca de Carolina (817 km de São Luís), onde reuniu-se com servidores e advogados militantes na comarca, com o objetivo de conhecer as principais dificuldades da unidade judicial e buscar melhorias.

Os servidores solicitaram a realização de alguns reparos na estrutura do fórum; realização de treinamentos sobre o Processo Judicial eletrônico (PJE); criação e instalação da 2ª Vara da comarca de Carolina, em razão do crescimento da demanda judicial, entre outros.

Em reunião com o corregedor-geral, um grupo de 15 advogados também ressaltou a necessidade de criação e instalação da 2ª Vara de Carolina, frisando a elevação da demanda após a instalação de empreendimentos na região; e levantaram solicitações sobre atendimento aos advogados no fórum; uso do estacionamento; necessidade de nomeação de juiz substituto, entre outros.

O corregedor-geral, desembargador Marcelo Carvalho Silva, explicou sobre as dificuldades orçamentárias do Poder Judiciário em relação à nomeação de novos servidores e magistrados, informando que o Tribunal de Justiça deve realizar seleção para residentes de Direito no próximo ano, medida que ajudará a suprir a demanda da Justiça de 1º Grau. Ele afirmou ainda que nomeará um juiz substituto para funcionar junto ao titular da comarca de Carolina, atuando principalmente em relação aos processos conclusos há mais de 100 dias e mais antigos.

O desembargador afirmou ainda que uma equipe da CGJ-MA será deslocada no início de 2019 para realização de treinamento com os servidores sobre a operacionalização do sistema Processo Judicial Eletrônico (Pje) e adoção de novas rotinas de gestão processual. “O objetivo é oferecer melhores condições aos servidores e magistrados, de forma a atender melhor o jurisdicionado desta região”, frisou.

Os advogados elogiaram a iniciativa do corregedor em visitar pessoalmente as comarcas do interior para conhecer de perto as dificuldades, contribuindo com a melhoria dos serviços e prestação jurisdicional.

Durante a visita, a equipe da CGJ orientou os servidores da comarca sobre rotinas de fluxo processual, acompanhamento de prazos e sugestões para melhoria da gestão processual na secretaria e gabinete, com o fim de otimizar a tramitação das ações e oferecer uma resposta mais rápida à sociedade.

CAROLINA – De entrância inicial, a comarca de Carolina pertence ao polo judicial de Balsas, de acordo com o Provimento Nº 43/2018 da Corregedoria Geral da Justiça, que redistribui as comarcas de todo o Estado em 11 polos judiciais. Titularizada pelo juiz Mazurkiévicz Saraiva de Sousa Cruz, a comarca não possui termos judiciários.

Atualmente, tramitam na vara única de Carolina aproximadamente 7.100 processos, sendo cerca de 6.500 físicos e 650 eletrônicos. Em 2017, a unidade judicial registrou uma distribuição média mensal de 152 novos processos e uma redução de mais de seis mil processos no acervo pendente de julgamento nos últimos cinco anos.

 Assessoria de Comunicação

Corregedoria Geral da Justiça do Maranhão

 

Acompanhe o Blog do Antonio Marcos também no Facebook e no Twitter.

Deixe um comentário


9 + 5 =