Publicidade
Página Inicial

Deputado Davi Alves Silva atribui derrota a incompetência do prefeito Madeira e incoerência de Ildon Marques

07/10/2014 às 15:59 em Política

DavizinhoO deputado Federal Davi Alves Silva Junior (PR), um dos mais atuantes do estado, foi literalmente “sacaneado” pelo prefeito de Imperatriz Sebastião Madeira (PSDB), que objetivando a não reeleição de Davizinho colocou as obras do mesmo no “freezer”.

Segundo o deputado, não precisava o prefeito Sebastião Madeira pedir voto pra ele, bastava somente dizer o que ele conseguiu de obras para o município de Imperatriz.

Após o resultado, onde faltaram pouquíssimos votos para o mesmo se eleger, Davi ficou revoltado por sentir-se injustiçado, já que o mesmo tem plena convicção de ter feito sua parte, enquanto parlamentar.

“Não estou cabisbaixo, só achei injusto pelo tanto que trabalhei por varias cidades, mas a responsabilidade também por eu não estar eleito a muitas variantes, dentre elas a compra de votos. Afirmei a todos que se for para ser eleito comprando votos, preferia ficar em casa, e disse isso por todas as cidades que visitei. A outra situação que complicou foi um candidato de imperatriz que enganou o povo, dizendo ser candidato, mesmo sabendo que não tinha condições jurídicas para ser, pois seu único objetivo era aniquilar politicamente Rosângela Curado, hoje sua principal adversária. Este manteve a sua candidatura mesmo sabendo que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) irá cassar nos próximos dias todos os votos por ele recebidos, ou seja, ele fez o povo de imperatriz de IDIOTA e o tempo irá provar isso. Agora, o maior responsável por eu não ter sido eleito ao meu entender foi o prefeito de imperatriz que mantém escondido minhas obras que deveriam ter sido entregues a população, antes do período eleitoral. Um exemplo claro é a quadra de esporte no conjunto vitória que esta com 99% pronta e ele não entregou, somente para me prejudicar. Barjonas Lobão, Beira Rio e outras tantas obras que tenho ai que não saem do papel por incompetência do prefeito Sebastião Madeira. Quase todas as obras são do ano de 2009 e ele não consegue concluí-las. Se não fosse isso, imperatriz teria elegido dois deputados federais eu e talvez o deputado Chiquinho Escórcio. Se assim tivesse acontecido imperatriz teria força junto ao congresso nacional. Quanto à obra da duplicação da BR-010, fiquem tranquilos que essa sim continuará a todo vapor. Como autor do projeto, acompanharei sua execução até o vencimento do meu mandato, a partir de janeiro deixarei por conta dos deputados eleitos. Posso lhes afirmar que essa obra não sofrera atrasos nem paralisações, pelo menos enquanto for deputado”, disse o Deputado Federal Davi Alves Silva Junior (PR) em sua página na internet.

“Muito obrigado a todos pelo carinho e o voto de confiança depositado em mim”, finalizou.

Acompanhe o Blog do Antonio Marcos também no Facebook e no Twitter.

Deixe um comentário


1 + = 7