Publicidade
Página Inicial

‘Operação Luz’ coíbe furto de energia elétrica na Zona Rural de Imperatriz

11/10/2019 às 10:15 em Polícia

Policiais civis dando cobertura a eletricistas da Cemar no desmonte dos equipamentos clandestinos

A Polícia Civil do Estado do Maranhão, por meio do Grupo de Pronto Emprego (GPE), da 10ª Delegacia Regional de Polícia Civil em Imperatriz, em parceria com o Instituto de Criminalística (ICRIM), 3° Batalhão de Polícia Militar, 2° Esquadrão de Polícia Montada (EMPMONT), em apoio a Companhia Energética do Maranhão (CEMAR), deflagrou na manhã desta quinta-feira (10) a ‘Operação Luz’.

O objetivo foi o de coibir o furto de energia elétrica que estava acontecendo no Assentamento Viva Deus I e II, localizados na região do Povoado Coquelândia, município de Imperatriz, uma área de invasão que segundo informações seria de propriedade da Suzano Papéis e Celulose S/A.

Segundo o delegado regional de Polícia Civil de Imperatriz, Enderson Pereira Martins, após complexas investigações, constatou-se uma rede clandestina de distribuição de energia elétrica no assentamento, usufruindo dos serviços elétricos de forma criminosa. Além de toda a instalação, tais como postes, transformadores e fiação, serem obtidos de forma ilícita. Na ocasião, os policiais fizeram varredura da área, dando suporte e escoltando às equipes da Cemar que faziam a desmontagem da rede elétrica, retirando toda a fiação e transformadores, bem como os postes.

Foram apreendidos durante a operação 4 transformadores avaliados aproximadamente em R$ 100 mil, dezenas de postes e centenas de metros de fios, os quais foram encaminhados para perícia. E as investigações continuam no intuito de identificar os responsáveis pela instalação da rede elétrica clandestina.

“Contamos sempre com a colaboração da população através do disk denúncia (99)-98479-7141, anonimato garantido”, destacou o delegado Enderson Pereira Martins.

De O PROGRESSO

Acompanhe o Blog do Antonio Marcos também no Facebook e no Twitter.

Deixe um comentário


9 − 4 =