Publicidade
Página Inicial

Presos beneficiados com liberdade temporária não querem voltar para a prisão, em Pedrinhas

15/10/2013 às 22:53 em Polícia

Detentos alegam medo de enfrentar novas rebeliões. Todos os pedidos serão analisados pelo juiz da Vara de Execuções Penais.

d50237863e86220e2d45062f79a923c9

Última rebelião deixou detentos apavorados

Presos beneficiados com a saída temporária do Dia das Crianças pedem à justiça o adiamento no prazo de retorno aos presídios. Eles alegam que tem medo de enfrentar novas rebeliões, como a que destruiu a Casa de Detenção na última quarta-feira (9).

Um pescador de 64 anos, condenado por homicídio, disse que testemunhou o confronto das facções na semana passada. Como conseguiu a saída temporária, quer estender o benefício, pra ficar longe do complexo.

Todos os pedidos serão analisados pelo juiz da Vara de Execuções Penais, Roberto de Paula que deve decidir se aceita, ou não, o pedido dos detentos até sexta-feira(18), quando termina o prazo para retorno aos presídios de quem conseguiu a saída temporária.

“Alguns apresentaram propostas de emprego. Eles querem trabalhar durante o dia e se recolher à noite. Alguns têm direito. Outros não têm”, alega o juiz Roberto de Paula.

Reforma

A Secretaria de Justiça e Administração Penitenciária prevê que obra de reconstrução da Casa De Detenção deverá ser concluída em um mês. Enquanto a reforma não acontece, os presos ficarão alojados nas quadras esportivas do complexo.

“A gente vai reconstruir toda a estrutura, parte elétrica, hidráulica, telhados, enfim, toda a unidade”, afirmou o secretário adjunto da Sejap, Mário Antônio Pereira.

Do G1 MA

Acompanhe o Blog do Antonio Marcos também no Facebook e no Twitter.

Deixe um comentário


+ 8 = 14