Publicidade
Página Inicial

Ver. Jarlis Adelino propõe que ‘Corpus Christi’ seja feriado municipal em Açailandia

09/10/2015 às 09:28 em Política

Jarlis okAtravés do requerimento de nº 120/2015, protocolado na Câmara Municipal na última terça-feira (6), o vereador Jarlis Adelino (PT) propõe que o dia de Corpus Christi seja reconhecido como feriado no Município de Açailândia.

Mesmo sendo apenas ponto facultativo, a data em questão não é considerada útil para fins de operações no mercado financeiro, por tanto os bancos fecham na referida data.

Caso vire lei, o mesmo  beneficiará diretamente cerca de 8 mil trabalhadores, principalmente da área privada dos setores: industrial, comercial e prestadores de serviço, como por exemplo rede hoteleira.

Jarlis já conta com o apoio de colegas de parlamento e de pelo menos três grandes entidades de classe, do SECA Sindicato dos Empregados no Comercio de Açailândia, STIMA (Sindicato dos trabalhadores metalúrgicos de Açailândia e região do Maranhão) e Sindicato dos Trabalhadores na Construção Civil.

Sobre a data:

Corpus Christi significa Corpo de Cristo. É uma festa religiosa da Igreja Católica que tem por objetivo celebrar o mistério da eucaristia, o sacramento do corpo e do sangue de Jesus Cristo.

A festa de Corpus Christi acontece sempre 60 dias depois do Domingo de Páscoa ou na quinta-feira seguinte ao domingo da Santíssima Trindade, em alusão à quinta-feira santa quando Jesus instituiu o sacramento da eucaristia. O Corpus Christi não é feriado nacional, tendo sido classificado pelo governo federal como ponto facultativo. Isso significa que a entidade patronal é que define se os funcionários trabalham ou não nesse dia, não sendo obrigados a dar-lhes o dia de folga.

Durante esta festa são celebradas missas festivas e as ruas são enfeitadas para a passagem da procissão onde é conduzido geralmente pelo Bispo, ou pelo pároco da Igreja, o santíssimo sacramento que é acompanhada por multidões de fiéis em cada cidade brasileira.

A tradição de enfeitar as ruas começou pela cidade de Ouro Preto em Minas Gerais. A procissão pelas vias públicas é uma recomendação do Código de Direito Canônico que determina ao Bispo Diocesano que tome as providências para que ocorra toda a celebração, para testemunhar a adoração e veneração para com a Santíssima Eucaristia.

A festa do Corpus Christi foi instituída pelo Papa Urbano IV no dia 8 de Setembro de 1264. A procissão de Corpus Christi lembra a caminhada do povo de Deus, peregrino, em busca da Terra Prometida. O Antigo Testamento diz que o povo peregrino foi alimentado com maná, no deserto. Com a instituição da eucaristia o povo é alimentado com o próprio corpo de Cristo.

Acompanhe o Blog do Antonio Marcos também no Facebook e no Twitter.

Deixe um comentário


− 1 = 6