Publicidade
Página Inicial

Deu no blog do Wilton Lima: Escândalo: Ildemar deixa criancinhas com fome nas escolas de Açailândia

15/04/2011 às 12:31 em Sem categoria

A falta de merenda escolar é um crime silencioso e de longo alcance. Em Açailândia a prefeitura oferece no cardápio K-Suco, bolacha, abóbora e mandioca – isso quando tem!
recadinho
Açailândia – Todos os dias, logo cedo, centenas de crianças muito humildes precisam estar às margens das estradas na Zona Rural ou nos mais longínquos Bairros periféricos aguardando o transporte para se deslocarem para as escolas, em busca de um futuro melhor. 
A grande maioria desses meninos e meninas possui como única refeição a merenda escolar servida nas escolas. Em Açailândia, desde o início das aulas essas crianças estão sendo mandadas para casa mais cedo (10h) porque está faltando merenda escolar. 
E quando há merenda o valor nutricional é bastante comprometido, pois são servidos em algumas escolas apenas K-Suco com bolacha e em outras, popa de abóbora ou mandioca com café.
Ao prefeito cabe apenas administrar o dinheiro repassado pelo Ministério da Educação através do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) que consiste na transferência de recursos financeiros do Governo Federal. No entanto, não é o que vem acontecendo, como pode ser visto nas escolas e denúncias apresentadas em programa de rádio.
O Blog já havia recebido inúmeras denúncias de que diretores de escolas e creches da rede pública municipal de ensino estariam intercedendo junto aos pais de alunos para que junto com suas criancinhas, enviasse também um lanche reforçado em função da falta de merenda. A denúncia se concretiza através do e-mail recebido no último dia 12/04 como pode ser visto no destaque acima.
A merenda não está sendo oferecida pela Prefeitura de Açailândia – isto é fato. E ao prefeito cabe apenas administrar o dinheiro repassado pelo Ministério da Educação. É verba federal para que as crianças comam.
A ciência explica facilmente que o cérebro precisa de proteína, nos primeiros anos de vida, para se desenvolver em plenitude, ou seja, a própria inteligência depende de alimento nessa idade.
O prefeito Ildemar, precisa com urgência oferecer uma explicação a essas crianças e a seus pais, que fazem todos os dias o sacrifício de acordar e preparar suas crianças na madrugada, em nome de oferecer-lhes a educação.
Não dá para não ter merenda na escola. Não ter é crime. É caso para o Ministério Público Federal (MPF). 
A única explicação para a falta de merenda seria a inadimplência da prefeitura, pois o Governo Federal bloqueia os repasses para prefeituras que não tenham prestado contas do ano anterior. Fontes de dentro da secretaria de educação do município afirmam que foi isso que realmente aconteceu.
É lamentável que as nossas criancinhas tenham que pagar a conta da incompetência da administração pública de Açailândia.
Acompanhe o Blog do Antonio Marcos também no Facebook e no Twitter.

Deixe um comentário


6 − = 3