Publicidade
Página Inicial

Francisca Primo chama atenção para o alto índice de acidentes envolvendo animais soltos nas BR’s do MA

16/08/2017 às 21:28 em Política
aca3a2ac3c868f963db1b548257e129b

Deputada Estadual Francisca Primo (PCdoB). Foto: Divulgação 

Em pronunciamento feito na sessão desta quarta-feira (16), a deputada Francisca Primo (PCdoB) fez um alerta à Polícia Rodoviária Federal no sentido de tomar providências em relação aos animais que ficam soltos nas BRS e Mas, causando sérios transtornos aos condutores dos veículos que trafegam em todas as vias do Estado. O alerta também foi feito aos proprietários que deixam os animais soltos.

Na BR-222, por exemplo, segundo Francisca Primo, os acidentes acontecem praticamente todos os dias, a maioria provocados por animais que circulam nas pistas. “A todo momento temos noticias de acidentes e, muito deles, com vítimas fatais. Vamos analisar e saber de quem é a responsabilidade e o que podemos fazer para tirar esses animais das estradas”, acentuou a deputada.

Ela citou ainda que no trecho que liga Santa Luzia a Buriticupu e Açailândia, já houve muitas mortes por irresponsabilidade não sabemos de quem. Francisca Primo afirmou que animais de grande porte devem ser mantidos em cercado adequado a sua vivência. Mas, infelizmente, o que se vê diariamente são animais soltos, principalmente, a partir das 17 horas, é grande o número de animais nas BRs do Estado do Maranhão, causando transtorno e fatalidade.

“É inadmissível não ter segurança para poder viajar e trabalhar ou até mesmo, passear, correndo tanto perigo. Já existem os perigos casuais e ainda temos que nos preocupar com os animais soltos provocando acidentes”, enfatizou a deputada, citando que em menos de um mês entre Buriticupu e Bom Jesus das Selvas, já ocorrerem quatro acidentes, sendo dois com vítimas fatais.

Dentro das cidades também está havendo acidente. Na última segunda-feira, por exemplo, houve um acidente entre uma caminhonete S-10 e um automóvel Celta e dois jumentos na BR-222 próximo à cidade de Buriticupu. No início do mês, morreram dois jovens que estavam numa moto na BR-222 no povoado Nova Vida, no município de Bom Jesus das Selvas. E, no dia 06 desse mês, morreu um agricultor de Buriticupu, vítima de animais na pista. Ele bateu a sua moto num animal. No mês passado uma servidora pública de Buriticupu se acidentou com a sua moto numa avenida  em Buriticupu. Ela bateu a sua moto Biz num jumento e até hoje está com a mão enfaixada porque quebrou o dedo polegar.

“Temos que encontrar uma solução para o problema, não podemos cruzar os braços”, disse ela, afirmando ainda que no final da semana passada uma de suas assessora estava indo para Mata Roma, no trecho que liga Vargem Grande a Chapadinha , quando um cavalo surgiu na via por volta das 21h  e quase acontece o pior.  “Os donos desses animais precisam deixar os animais nos cercados e também a Polícia Rodoviária Federal precisa tomar providências quanto a esses animais soltos nas vias públicas do nosso Estado”, finalizou a deputada.

Acompanhe o Blog do Antonio Marcos também no Facebook e no Twitter.

Deixe um comentário


2 + 8 =