Publicidade
Página Inicial

Mulher é morta após tentar impedir que filha fosse estuprada

07/12/2012 às 15:03 em Polícia

São Luis – Um crime deixou a população do bairro do Anjo da Guarda horrorizada, na noite da última quinta-feira (06/12). Um homem, identificado como José Arnaldo Santos Barros (24), conhecido como “Cabeludo”, matou a própria esposa, Joana Gaspar Silva dos Santos, com três facadas.

O crime aconteceu após Joana tentar evitar que a filha, de apenas 14 anos, fosse estuprada pelo assassino, que é padrasto da adolescente.

De acordo com informações da polícia, “Cabeludo” teria chegado a casa alcoolizado, por volta das 23h00 e teria tentado violentar a garota. A mãe tentou impedir e foi brutalmente assassinada. A adolescente também foi feria e encaminhada ao hospital.

Após o crime, o assassino fugiu e tentou se esconder no quintal da casa onde morava com Joana. Algumas pessoas da comunidade saíram em busca de José Arnaldo e conseguiram capturá-lo e entregar o mesmo a polícia, após a chegada da viatura ao local.

Outro Crime – Segundo informações da polícia, José Arnaldo também é suspeito de assassinado uma adolescente na Vila Maranhão, há cerca de 4 anos. Assim como o caso desta quinta-feira, a garota também era enteada dele, e foi morta após reagir a uma tentativa de estupro do assassino.

Após o crime, de acordo com a polícia, José Arnaldo teria se separado da mãe da adolescente.

Acompanhe o Blog do Antonio Marcos também no Facebook e no Twitter.

Deixe um comentário


3 + = 8