Publicidade
Página Inicial

Resposta Imediata: PM prende acusado de ser o mandante e executores do “ALEMÃO” assassinado na tarde desta quarta-feira no plano da serra

13/01/2012 às 00:17 em Sem categoria
Fernando, proprietário e vocalista da banda tom musical também estaria  marcado para morrer!
João Batista da Silva (acusado de ser o autor dos disparos)
Açailandia – Os policiais militares, Sargentos: Cantanhede e Alex e soldado Diogo (Açailandia) e os Cabos: Gomes e Odeon e o soldado Alexandre (Bom Jesus das Selvas), todos lotados na 5ª de Açailandia, comandados pelo o major Edeilson Carvalho, prenderam na tarde desta quinta-feira 12/01, três acusados de planejar e executar o desportista: José Cláudio Rossi (42), conhecido como “alemão”, morador do povoado plano da serra, que foi assassinado as 16:00h desta última quarta-feira 11/01 na porta de sua casa.
Ronaldo Silva Bezerra o “naná” (acusado de ser o madante)
Contra o homem identificado como: Ronaldo Silva Bezerra (34), conhecido pela a alcunha de “naná”, morador do município de Bom Jesus das Selvas, pesa a acusação de ser o mandante do crime. A policia prendeu outros dois elementos, identificados como: Francisco dos Santos Anjos e João Batista da Silva (27), conhecido pela alcunha de “Branco”, acusado ser o autor dos disparos que deu cabo na vida de “Alemão”.
Francisco dos Santos Anjos (condutor da moto)
Prisões – O primeiro a ser preso, foi o Francisco (condutor da moto) o segundo foi João Batista (autor dos disparos) e por ultimo o Ronaldo o “naná”, que quando percebeu a presença da policia, pulou o muro de sua casa e invadiu outra residência, onde foi parar no quarto do casal que tava para o trabalho. Segundo a policia, naná ainda tentou se passar por dono da casa aonde foi preso mais não deu. Todos foram presos em Bom Jesus das Selvas, em poder dos acusados, foram encontrados: Um revolver calibre 38 municiado, que teria sido usado no crime, uma moto e quatro aparelhos celulares que eles usavam para se comunicar.
Entenda o casoSegundo declarações dos acusados a imprensa e a policia, Ronaldo Silva Bezerra, o “naná”, teria sido contratado por R$ 20.000,00 (vinte mil reais) para matar: José Cláudio Rossi o “alemão” e seu cunhado Fernando, o “Fernando da banda tom musical”.
Naná teria vindo pelo menos duas vezes à Açailandia para fazer as execuções, mas que não teria tido coragem, resolvendo então terceirizar o serviço, foi quando teria tido a idéia de contratar por R$ 3.000,00 (três mil reais), os elementos: Francisco dos Santos Anjos e João Batista da Silva o “Branco” dinheiro que não foi repassado. Branco é um velho conhecido da policia, o mesmo já foi preso e condenado por outros crimes.

Em conversa com vocalista: Fernando da tom musical, ele nos declarou que o motivo das mortes seria uma “rixa”  entre uma família de codó com sua família, mas não entrou em detalhes.
Segundo o Major Edeilson Carvalho, comandante da 5ª CI de Açailandia, pelo menos quatro pessoas já morreram nessa confusão entre essas duas famílias.
Major Edeilson Carvalho – momento em concedia entrevista aos reporteres: Marcone Soares e Osvaldo Filho
Por Antonio Marcos
Com informações da policia militar de Açailandia
Acompanhe o Blog do Antonio Marcos também no Facebook e no Twitter.

Deixe um comentário


− 3 = 3