Publicidade
Página Inicial

Acusado de integrar grupo de extermínio do PA é apresentado pela polícia do MA

06/11/2012 às 21:13 em Polícia

Mauro Reis Coelho
São Luis A Superintendência de Polícia Civil da Capital (SPCI) apresentou, na manhã de ontem 05/11, o paraense Mauro Reis Coelho, de 40 anos, preso na última quinta-feira 01/11, durante uma fiscalização de rotina no Posto da Polícia Rodoviária Federal, no Povoado São Francisco, na BR-135. Mauro Coelho foi apontado pelo Ministério Público paraense, em 2008, como suposto integrante de um grupo de extermínio denominado “Liga da Justiça”, que teria cometido mais de 130 assassinatos no estado.

No momento da abordagem, segundo a PRF, Mauro se apresentou como cabo da Polícia Militar do Pará. Ele portava uma identidade falsa e um revólver Magnum, calibre 357, com 12 munições, de uso restrito da Polícia Federal.

Segundo a inspetora da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Cláudia Batalha, Mauro estava na companhia de outro homem, que conduzia um veículo S-10 de cor prata e placa NKW-3095/PA. A inspetora contou que o acusado já desceu do carro se identificando como militar, mas minutos depois teria negado a informação.

 “Descobrimos que havia um mandado de prisão expedido contra ele pela Justiça do Pará, além de informações sobre a operação ‘Navalha na Carne’, deflagrada em 2008 pelo Ministério Público da cidade de Icoaraci/PA. O Mauro foi apontado como membro de um grupo de extermínio que envolvia não só cidadãos civis como policiais militares”,declarou Cláudia Batalha.

De acordo com Batalha, após a prisão, o suspeito foi conduzido para a delegacia regional de Itapecuru-Mirim, onde prestou depoimento ao delegado Leonardo Nascimento Diniz, relatando apenas que teria vindo ao Maranhão para fazer um “bico”.

O superintendente de Polícia Civil do Interior (SPCI), Jair Paiva, explicou que as investigações sobre a vida pregressa, bem como o levantamento de processos e mandados de prisão contra o suspeito serão intensificado. Ele relatou que também será investigado o real motivo da vinda do paraense ao Maranhão.

“Vamos a fundo nas investigações”, disse Paiva. Mauro Reis foi autuado em flagrante pelos crimes de porte ilegal de arma de fogo de uso exclusivo e falsidade ideológica. O condutor e o veículo foram liberados.

Fonte/SSPMA

Acompanhe o Blog do Antonio Marcos também no Facebook e no Twitter.

Deixe um comentário


5 + = 11