Publicidade
Página Inicial

Bomba! MP pede afastamento do “Braço Direito de Cunha” da Presidência da Câmara de Vereadores de Estreito/MA

14/05/2021 às 15:15 em Sem categoria
Ver. Tavanes Firmo ladeado do prefeito Léo Cunha. (Foto: Divulgação)

Quando o prefeito de Estreito/MA, Léo Cunha achava que tudo estava sob controle e que não poderia piorar, recebe a informação bomba de que seu “Fiel Escudeiro”, Ver. Tavanes Firmo deverá deixar a presidência da Câmara de Vereadores imediatamente, por recomendação do Ministério Público do Maranhão.

Segundo a lei orgânica do município, o parlamentar não poderia mais sequer se candidatar a presidência daquela casa de leis, por ter encerrado no dia 31 de dezembro de 2020, seu segundo mandato consecutivo (eleição e reeleição).

O afastamento de Tavanes Firmo da presidência da Câmara será uma grande derrota para o prefeito Léo Cunha, que é alvo de uma “avalanche” de denúncias, que podem culminar até mesmo na cassação do seu mandato, pela Câmara de Vereadores.

O que se comenta a “boca miúda” naquela cidade é que Cunha fez um grande investimento para eleger Tavanes Firmo, que passará a fazer parte do “baixo clero”.

Como o “gestor trapalhão” não pode nem pensar em ficar sem a maioria na Câmara, terá que se articular para fazer um novo presidente, já que a recomendação é para o legislativo realizar uma nova eleição, imediatamente.

O documento do Ministério Público diz que Firmo deverá ser destituído do cargo na próxima sessão, posterior a recomendação, que ocorrerá às 9h da manhã da próxima terça-feira (18).

A Baixo, Recomendação do Ministério Público:

Acompanhe o Blog do Antonio Marcos também no Facebook e no Twitter.

Deixe um comentário


6 − = 3