Publicidade
Página Inicial

Após denuncia no JN, Madeira tem pressa para entregar casas

02/04/2013 às 10:49 em Política
M3393M-1008

Após o descaso ser denunciado em rede nacional, agora o prefeito tem pressa.

Imperatriz – Depois de ganhar repercussão nacional o abandono de centenas de casas construídas com recurso do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), do Governo Federal, para beneficiar moradores de área de riscos de Imperatriz, que custaram para os cofres públicos R$ 7,2 milhões e que estão prontas desde 2010, o prefeito Sebastião Madeira (PSDB), agora tem pressa para entregar as unidades habitacionais para que é de direto.

O descaso com a coisa pública foi denunciado no Jornal Nacional desta segunda-feira (3).

Veja a integra da nota!

A Prefeitura de Imperatriz, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (SEDES), convoca os candidatos sorteados no Programa Minha Casa Minha Vida, que ainda não comprovaram as informações contidas no cadastro, para se apresentarem à sede do Bolsa Família até 10 de Abril.

Conforme explica Mirian Reis, titular da SEDES, em novembro passado foram sorteadas 1.920 unidades habitacionais. “Desse montante 469 sorteados ainda não compareceram para elaboração do dossiê junto à SEDES, e o prazo para formalização das informações se encerra em 10 de Abril. A não apresentação do candidato até a data informada implicará na eliminação do programa”.

Além das convocações por meio de edital e ampla divulgação, segundo Mirian, a equipe tem buscado contato por telefone e nos endereços informados no cadastro inicial. “Mesmo com todo o esforço dos profissionais, fazendo ligações e visitas domiciliares, muitos dos candidatos não atenderam ao chamado e o prazo está se esgotando”.

Mirian informa ainda que além desses, a SEDES convoca 10% dos candidatos que compõem o cadastro de reserva para a formação dos dossiês em caso de desistência dos sorteados. “Concomitante com o edital convocatório dos quase 500 candidatos que estão dentro das vagas, convocamos também 99 pessoas que foram sorteadas no cadastro de reserva para adiantar a formalização dos dossiês”.

A secretária ressalta ainda que todos os convocados devem comparecer à sede do Bolsa Família, localizada à Rua Hermes da Fonseca – Centro, munidos de todos os documentos exigidos nos referidos editais.

Documentos exigidos

Deverão ser apresentados original e xerox dos seguintes documentos:

  • Identidade (do titular e do cônjuge)
  • CPF (do titular e do cônjuge)
  • Certidão de nascimento (se solteiro); certidão de casamento ( se casado), Averbação do divórcio (se divorciado)
  • Comprovante de residência      
  • Folha resumo do Cadunico (solicitar no Programa Bolsa Familia)
  • Procuração (se analfabeto. Solicitar modelo no programa Bolsa Família)

Em caso de união estável ou casado civil ou religioso, o candidato deverá comparecer acompanhado do cônjuge.

(Sara Ribeiro – ASCOM)

Acompanhe o Blog do Antonio Marcos também no Facebook e no Twitter.

Deixe um comentário


− 4 = 4