Publicidade
Página Inicial

Após provar que tem mais prestigio que o prefeito, sec. de saúde é demitido

27/08/2014 às 17:29 em Política

Ceber Flor OKBuriticupu – Segundo fonte fidedigna, o prefeito de Buriticupu José Gomes Rodrigues (PMDB) ficou furioso com o resultado de uma pesquisa encomendada por ele para “medir” sua popularidade, que de acordo a opinião pública não anda muito bem.

Como já havia antecipado o Blog, os candidatos do “Zé” a presidência, governo, senado, congresso nacional e assembléia legislativa do estado estão levando “porta na cara” por conta de sua gigantesca rejeição, decorrente de sua catastrófica administração.

Ainda segundo a fonte, na pesquisa a qual o prefeito não teve coragem de divulgar, seus candidatos aparecem em último lugar, inclusive seu candidato a Deputado Estadual Antonio Pereira (PMDB), que aparece bem atrás do deputado Léo Cunha (PSC), apoiado pelo então secretário de Saúde Cleber Flor, que por ter negado apoio aos candidatos do “Zé”, acabou sendo demitido.

Entre “mortos e feridos”, Cleber era o único sobrevivente. Com sua demissão, a saúde do município que já tinha melhorado consideravelmente deve despencar de novamente.

Na manhã desta terça-feira (26), Cleber Flor reuniu os funcionários da secretária de saúde e fez a tradicional despedida.

Ceber Flor 3

Ceber Flor 2

Veja à baixo carta aberta do ex-secretario ao povo de Buriticupu!

Após um ano e meio a frente da secretaria Municipal de Saúde de Buriticupu, comunico a minha saída e agradeço a população de nosso município por ter acreditado e compreendido os nossos projetos, que são de médio e longo prazo.

Nesse período, tive o imenso prazer de trabalhar com uma equipe de profissionais de grande competência, que me ajudaram a implantar e implementar projetos que já estão beneficiando e outros que ainda irão beneficiar a população buriticupuense. Construímos um legado que ficará por muitos anos e que, nos próximos meses, produzirão muitos frutos devido a esse trabalho incansável realizado nos últimos meses.

Desde o inicio, a missão era árdua e desafiadora, pois encontramos a Secretaria de Saúde sucateada e cheia de problemas que nos fizeram trabalhar com recursos limitados, com projetos cancelados, com recursos que foram gastos em outros setores.

Entretanto, tais dificuldades não foram empecilhos ou obstáculos à realização de um bom trabalho. Nesse breve período, podemos destacar os seguintes avanços:

Reestruturamos o Hospital Municipal Pedro Neiva de Santana, com a aquisição de estufas para esterilização de materiais cirúrgicos, compra e reforma de mesas cirúrgicas, compra e reforma de leitos de internação, instalação de maquinário para a lavanderia, compra de incubadora infantil que permitirá que as nossas crianças prematuras tenham atendimento eficiente após o parto;

Fizemos a instalação de um gerador, garantindo que os serviços de saúde sejam mantidos e o centro cirúrgico de média complexidade fosse o melhor da região;

Implementamos o Centro de Atenção Psicossocial (CAPS II), com equipe multidisciplinar, que se tornou referência na região, atendendo a outros municípios;

Implementamos o Núcleo de Apoio a Saúde da Família (NASF). Por este programa, que estava parado a mais de dois anos, iniciamos a entrega de cadeiras de rodas a pessoas com problemas de mobilidade;

Construímos o Centro de Especialidades com aquisição de equipamentos e, o mais importante, contratação de uma equipe médica de alta qualidade, permitindo que a nossa população tenha tratamento em nosso município, sem abrir mão da qualidade a que todos têm direitos.
Reestruturamos das Unidades de Saúde para fazer da Atenção Básica a porta de entrada da saúde;

Somos referência no Maranhão quando se trata de imunização, pois o modelo de gestão que implantamos nos permitiu alcançar metas nunca antes atingidas;

Reformamos alguns veículos tidos como sucatas e que, em breve, a população verá nas ruas e terá ( se a atual gestão municipal manter esse projeto) um consultório odontológico móvel, de ótima qualidade, atendendo à população da zona rural;

Implantamos o Programa Saúde na Escola, que atualmente está ofertando aos alunos da rede pública de ensino médico oftalmologista gratuitamente;

Elaboramos o projeto que garantiu ao município a presença de 6 médicos cubanos do Programa Mais Médicos;

Implantamos o Programa Manhã Saúde que leva, todas as semanas, dicas de saúde para mais de 5 mil buriticupuenses;

Elaboramos os projetos das unidades de saúde dos povoados São João, Quinta Vicinal, Brejinho, Centro dos Farias, 21 de Maio, Centro, Açude Terra Bela, FAISA e Vila Davi. Todos os projetos aprovados para construção, com ordem de serviço assinada e dinheiro em caixa;

Os projetos das unidades de saúde Açude Terra Bela, 2º Núcleo, Vila Isaias e Vila Primo têm seus projetos de ampliação aprovados, com ordem de serviços e dinheiro em caixa;

Adquirimos uma caminhonete Amarok e uma ambulância em parceria com a companhia Vale;

Implantamos o Programa Melhor em Casa, em que a população tem o atendimento médico em casa;

Através de um pedido realizado a Deputada Francisca Primo, conseguimos, por emenda parlamentar, uma ambulância;

Conseguimos duas ambulâncias em convênio com a Vale para o atendimento da Região da Vila Pindaré e da Região da Cikel;

Os valores de Construção, reforma e ampliação dessas unidades são:
• USF Buritizinho: R$ 150.000,00
• USF Brejinho: R$ 150.000,00
• USF Centro dos Farias: R$ 150.000,00
• USF Centro: R$ 102.400,00
• Centro de Saúde São João: R$ 102.400,00
• USF Açude Terra Bela: R$ 81.600,00
• USF Vila Primavera: R$ 81.600,00
• USF V Vicinal: R$ 81.600,00
• USF Vila União: R$ 81.600,00
• USF Assentamento FAISA: R$ 81.600,00
• USF Vila Davi: R$ 81.600,00
• USF 21 de Maio: R$ 81.600,00
• USF II Vicinal: R$ 92.250,00
• USF Francisco Moreira: R$ 56.250,00
• USF Vila Primo: R$ 56.250,00
• USF Centro Terra Bela: R$ 55.875,00

Resgatamos 1.260.000,00 da Unidade de Pronto Atendimento UPA , recursos que estavam perdidos e, conseqüentemente, construção parada. Mas agora está em construção, na BR 222, junto ao Condomínio Jeová;
Mesmo sabendo que a população de Buriticupu nesse período de um ano e meio teve uma crescente qualidade na saúde, entendemos que nada se faz de um dia para outro.

Entendemos que o planejamento é essencial para garantir que as políticas públicas sejam implantadas de forma contínua, garantindo efetividade, eficiência e eficácia, assim determinados nos princípios da administração e da nossa Constituição.

Nesse período de grandes conquistas, compartilhei muitos projetos com o gestor municipal, mas imprimi um ritmo intenso de trabalho que gerou resultados que extrapolavam o recurso mínimo que estava à disposição da Secretaria de Saúde.

E isso só foi possível porque busquei recursos diretamente na esfera federal, conseguindo a ampliação do valor do teto recebido por nosso hospital e o estabelecimento de inúmeras parcerias que nos ajudaram a construir a Secretaria de Saúde como a secretaria de maior destaque nessa gestão do “Novo Tempo”.

Por não concordar com a forma de administração imposta pela gestão municipal, por não ter a adesão necessária das exigências que um serviço responsável de saúde requer, por vezes negligenciadas em relação à Secretaria de Saúde, por não concordar com alguns princípios e por não aceitar os mandos e desmandos, sem conhecer a realidade das carências de saúde da população, entrego a secretaria em ato irrevogável e consciente do dever cumprido.

Agradeço a oportunidade de contribuir com esse município, retorno à minha função de vereador, função a mim confiada pela população buriticupuense. Não deixarei de trabalhar e dedicar minha vida pela população buriticupuense, como tem feito a família Flor.

Muito obrigado!

Acompanhe o Blog do Antonio Marcos também no Facebook e no Twitter.

Deixe um comentário


+ 1 = 3