Publicidade
Página Inicial

Em 2012 foram quebrados 2.004 postes em acidentes em via pública, diz CEMAR

30/12/2012 às 15:21 em Regional

Somente nos dias 24 e 25 de dezembro deste ano, 11 postes foram danificados por acidente com veículo.

poste QUEBRADO 3São Luis – De acordo com dados da Companhia Energética do Maranhão (CEMAR), de janeiro a dezembro de 2012 foram registrados 2.004 acidentes em vias públicas com quebra de postes. Uma média de cinco postes danificados por dia. Em 2011 foram contabilizados 1.580 acidentes desse gênero, o que equivale a uma média de quatro por dia.

Somente nos dias 24 e 25 de dezembro deste ano, 11 postes foram danificados por acidente com veículo. No município de Viana, na última terça-feira (25/12), quase 40 mil pessoas ficaram sem energia por causa de um acidente provocado pelo condutor de um caminhão de cor branca, placas HPE-0802, São Luís – MA. O acidente trouxe danos a dois postes e vários componentes do sistema elétrico.

Ainda neste mês de dezembro, mais dois acidentes com quebra de postes repercutiram na cidade. Na madrugada do dia 9 de dezembro, um acidente causado pelo condutor de um Fiat Uno, cor cinza, colidiu com um poste em frente a um supermercado no Maiobão, deixando cerca de 160 pessoas sem energia durante a madrugada.

Outro acidente com quebra de poste também no dia 9 de dezembro foi na Cidade Olímpica. O condutor de um Corsa Classic, cor cinza e placa NXD 658, bateu em um poste atingindo a rede de distribuição, ocasionando falta de energia para aproximadamente 730 pessoas.

Esse tipo de acidente traz transtornos para quem está no veículo, para as famílias dos ocupantes do veículo e, conseqüentemente, para a população que fica no desconforto e até no prejuízo da falta de energia. Além disso, o recurso utilizado para repor os postes e os componentes danificados, poderia ser utilizado para ampliar as ações de melhoria da qualidade de energia fornecida para as cidades maranhenses.

Atualmente, os proprietários dos veículos envolvidos, quando identificados, estão sendo responsabilizados pelos custos com o material e mão-de-obra para repor os postes danificados.

Segundo as autoridades de trânsito, esse tipo de acidente normalmente acontece pelos seguintes fatores: excesso de velocidade, estado de embriaguez, sonolência do condutor ou falha mecânica.

Do G1 MA

Acompanhe o Blog do Antonio Marcos também no Facebook e no Twitter.

Deixe um comentário


3 − 2 =