Publicidade
Página Inicial

Enquanto os pais estudam, crianças participam de atividades lúdicas na EJA

14/08/2018 às 15:21 em Educação

A preocupação com o cuidado dos filhos durante as aulas deu lugar ao sossego de deixá-los com bons profissionais!

EJA ITZ

Enquanto os pais estudam, crianças participam de atividades lúdicas com equipe das escolas (Foto: Divulgação)

Conciliar trabalho e estudo não é tarefa fácil, e quando somado ao cuidado com os filhos, a situação fica ainda mais difícil. Pensando nessa necessidade e em prevenir a evasão escolar, equipe pedagógica de duas escolas municipais que ofertam a Modalidade da Educação para Jovens e Adultos, EJA, têm realizado um trabalho educativo e ocupacional com os filhos dos alunos. Enquanto os pais estudam, as crianças participam de atividades lúdicas com leitura, teatro de fantoches, e orientações de lateralidade e psicomotricidade, nas escolas Caminho do Saber e Maria Evangelista, no Conjunto Vitória e conjunto habitacional Itamar Guará, respectivamente.

De acordo com a coordenadora da EJA na rede municipal, Ana Meires Pereira, “esta é forma que a gente encontrou para contribuir com os pais que não têm com quem deixar os filhos. Eles levam os filhos para a escola e os nosso profissionais pedagogos e coordenadores desenvolvem algumas atividades com essas crianças na biblioteca e área de recreação, para que os pais estudem tranquilamente”, explicou.

Ela elogia a iniciativa e enfatiza que para a coordenação da EJA, a ação é “uma excelente alternativa de trabalho e nós pretendemos, no decorrer do período, estender para as demais escolas para que os alunos que têm necessidade de levar seus filhos para a escola, contem com um ambiente favorável para ajudá-los”, revelou a coordenadora.

Jullyana Guimarães é coordenadora da EJA na Escola Municipal Caminho do Saber, e explica o porquê da iniciativa. “Nossa preocupação era que os nossos alunos dessem continuidade nos estudos, até porque alguns estão fora do mercado de trabalho e nós fizemos o projeto para ajudá-los. Nós temos atualmente 12 crianças, entre cinco e 12 anos”.

Ela comenta que a intenção principal é realmente manter os pais dentro da sala de aula estudando, sabendo que os filhos estão junto com eles na escola, participando de atividades que vão ajudá-los no desenvolvimento intelectual.

Atividades de lateralidade, psicomotricidade e concentração, pintura, desenho, leitura e outras brincadeiras lúdicas são algumas das atividades supervisionadas pelos profissionais das escolas.

Da Assessoria

Acompanhe o Blog do Antonio Marcos também no Facebook e no Twitter.

Deixe um comentário


1 + = 5