Publicidade
Página Inicial

Major Janilson preso por ‘insubordinação’ é colocado em liberdade

08/10/2016 às 20:13 em Geral
net_janilson_20161008

Major disse que foi preso por não apoiar a candidata do governador, em Imperatriz

Foi colocado nesta sexta-feira (7), em liberdade, o Major da Polícia Militar Janilson Cordeiro Lindoso, que havia sido preso a cerca de dez dias em Imperatriz e levado para o Quartel Geral da Polícia Militar do Estado do Maranhão, em São Luís.

O Major Janilson ficou preso durante 10 dias por ter se insurgido contra o Governador do Maranhão, Flávio Dino, o qual acusou de que, por motivos políticos, estaria perseguindo policiais, levando-os para São Luís durante as eleições, fato que para o Major, jamais tinha acontecido. “Isso está acontecendo só com policiais contrários ao candidato do governador”, disse na ocasião.

Major Janilson Lindoso foi acusado de insubordinação e esse foi o motivo pelo qual foi decretada a sua prisão, originando um Inquérito Policial Militar (IPM). Não foram informadas as sanções decretadas contra o militar, que vai responder a acusação em liberdade provisória.

Na manhã dessa sexta-feira (7), em Imperatriz, amigos e parentes do Major realizaram uma manifestação, que aconteceu, pacificamente, em favor da soltura do oficial.

Janilson Lindoso presta serviços à Polícia Militar do Maranhão em Imperatriz há18 anos, sempre no 3° BPM. No início desse ano, ele foi transferido para o 12° BPM, com sede em Estreito. Janilson Lindoso pertence à Força Nacional.

O Major desembarca neste sábado, às 16h30, no Aeroporto Prefeito Renato Moreira.

De O Progresso 

Acompanhe o Blog do Antonio Marcos também no Facebook e no Twitter.

Deixe um comentário


+ 2 = 8