Publicidade
Página Inicial

Moradores de rua serão tema de encontro em São Luís

21/03/2011 às 10:56 em Sem categoria

Evento será realizado pela Defensoria Pública, em parceria com o Ministério da Justiça.

SÃO LUÍS – A Defensoria Pública do Maranhão (DPE) sediará, no segundo semestre de 2011, encontro regional para discutir políticas sociais e definir diretrizes de atuação voltadas para a população em situação de rua. 
O evento será realizado em parceria com o Ministério da Justiça, por meio da Secretaria de Reforma do Judiciário, Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República e Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome. 
O Maranhão foi um dos estados selecionados em reunião extraordinária do Conselho Nacional de Defensores Públicos Gerais (Condege), realizada semana passada em Salvador (BA).
A escolha se deu a partir da preocupação demonstrada pelo defensor geral do Estado, Aldy Mello de Araújo Filho, com o crescente número de pessoas em situação de rua, especialmente na capital. 
Ele lembrou que locais como o Centro Histórico, Largo do Carmo, Renascença, nas proximidades do Marco Center e Cohab, próximo ao retorno da Forquilha, são áreas com grande fluxo e convergência de pessoas nessas condições.
Segundo Aldy Mello Filho é desejo do Maranhão se integrar a esse projeto do Governo Federal, que prevê a criação de uma metodologia de atendimento à população em situação de rua, a ser composta por equipes interdisciplinares voltadas a identificá-la quantitativamente, prestar orientação e assistência jurídica gratuita, por meio da Defensoria Pública. 
– Queremos ainda com essa ação articular a rede de proteção social existente no Estado, incluindo os demais órgãos públicos e organizações não governamentais, na perspectiva da definição de estratégias voltadas a promover-lhes efetiva inclusão social – afirmou o defensor geral. 
A parceria prevê ainda a realização de cursos de capacitação para os profissionais que integrarão as equipes de trabalho, a elaboração de guias informativos e campanhas de conscientização e orientação jurídica e social.

Fonte/ http://imirante.globo.com/noticias

Acompanhe o Blog do Antonio Marcos também no Facebook e no Twitter.

Deixe um comentário


8 + 2 =