Publicidade
Página Inicial

Presa em Teresina quadrilha que pretendia assaltar banco no MA

01/04/2013 às 12:55 em Polícia

quadrilhaTeresina – Policiais militares do 11º Batalhão da Polícia Militar, da cidade de Timon, prenderam uma quadrilha que pretendia assaltar agências bancárias no Maranhão, em Matões ou Parnarama, com uso de explosivos. Os criminosos foram capturados no Bairro do Promorar, zona sul de Teresina – capital do Piauí, portando uma metralhadora ponto 40, roubada da Polícia Civil, dois revólveres calibre 38 e três bananas de dinamite.

Segundo o major Medeiros, comandante do 11º Batalhão, a quadrilha roubou uma motocicleta em Parnarama para ser utilizada no assalto na cidade de Matões, por volta de 1h30, de ontem (30). Alguns minutos depois, como disse o major, a moto foi encontrada em Matões, após acionamento da PM local, tendo a quadrilha fugido para o município de Timon. ‘Ao ser informado do caso, o tenente Natayton, que estava de serviço, posicionou as viaturas em locais estratégicos da BR-226 e demais saídas da cidade’, contou Medeiros.

Por volta das 3h30, o grupamento da Força Tática, composto pelos soldados Bacelar, Roberth e Augusto, visualizou o veículo suspeito, um Fiat Palio, vermelho, de placa LWC-5093, que não obedeceu à ordem de parada e trocou tiros com os militares, adentrando na cidade de Teresina, tendo a PM acertado um dos pneus do carro e um dos criminosos foi ferido no tórax. ‘Outras viaturas da PMMA deram apoio. A perseguição terminou na cidade de Teresina, na avenida principal do Promorar (BR-316)’, detalhou o major Medeiros.

A quadrilha era composta por Francisco dos Santos Cunha, que foi atingido com um tiro no tórax e socorrido pela PM e Samu; Antônio Carlos Castro da Silva, Hildefran Silva Cora, que afirmou ser de São Domingos do Maranhão, e Paulo Moraes. Todos estavam morando na Rua 8, da Vila Dagmar Mazza, em Teresina.

Com o bando, a PM apreendeu o veículo Fiat Palio, uma metralhadora de marca Taurus MT40, calibre ponto 40, que foi roubada da Polícia Civil do Maranhão; dois revólveres Taurus calibre 38, três bananas de dinamite com fios para detonação, duas alavancas grandes de ferro, cinco celulares, alicate, fitas adesivas, dinheiro, munições calibre ponto 40 e calibre 38, além de outros objetos.

No local da ocorrência, além das guarnições do Maranhão, compareceu o major Sousa, que estava de serviço em Timon; guarnições da Polícia Militar do Piauí, da PRF e uma equipe de peritos do Instituto de Criminalística do Piauí. Após os procedimentos, os acusados e o material apreendido foram encaminhados para a Central de Flagrantes da Polícia Civil em Teresina, onde foram tomadas as medidas judiciárias necessárias.

O major Medeiros informou que esta é a mesma quadrilha que tentou roubar, meses atrás, o Banco do Brasil de Parnarama, quando foi visto um movimento suspeito e acionado a PM, e que os mesmos serão investigados, pois podem ter feito outros assaltos semelhantes.

Do jornal pequeno

Acompanhe o Blog do Antonio Marcos também no Facebook e no Twitter.

Deixe um comentário


− 2 = 2